Sábado, 12 de Janeiro de 2008

meu marido

 

 

casamo-nos muito cedo, eu era muito jovem, demasiado jovem para saber o que era o casamento

não sabia o que era amor, o que era amar, o que era partilhar uma vida

mas tu sabias, ou pensavas que sabias,

era obcessão, loucura, era dar esperando receber,

raro ficava em casa, todas as festas eram iluminadas pela minha graça , minha luz e graciosidade

sempre só

sempre me esperando em casa

 

mesmo quando te dei uma filha, recusei-me a abandonar os palcos, o glamour, o êxito, os aplausos, os admiradores

consumias-te em ciume, mas nem uma palavra evocavas para me prender

adoravas-me, idolatravas-me

tu eras meu marido

sem significado, oco, presente

eu era tua estrela

a tua vida

 

solitaria sempre solitaria sempre rodeada de admiradores, de flores, de risos, de olhares brilhantes de desejo, sempre solitaria

 

Recordo a primeira noite depois de teres partido deste mundo

Estava de negro, junto a uma lareira enorme sem luz

chorei a tua morte

como só depois de teres partido eu soubesse valorizar a tua companhia

VIngaste.te

a tua obcessão continua

 

mesmo nos corredores de cidades desconhecidas eu sinto-me acompanhada

sempre a tua presença afasta todo e qualquer homem que vê luz no meu olhar

tua vingança é a minha solidão

em todos os homens eu te procuro

em nenhum te encontro

a nenhum me entrego

é contigo que eu adormeço

é contigo que eu desperto

Todos eles sentem o cheiro a macho proprietario que emanas além tumulo

 

Obrigas-me a viver te buscando quando tu recusaste morrer para me continuar a ter

 

 

 

 

2 comentários:
De Emanuela a 13 de Janeiro de 2008 às 02:21
Fantástico texto... Gostei muito do teu blog. Vou adicioná-lo.
Um beijinho!
De Sibila a 12 de Fevereiro de 2008 às 09:31
Obrigado

Comentar mensagem

Borboleta


.Setembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.rasgos de sol

. the ugly truth

. borboletas

. sofrer de amor

. filha do vento

. e se eu falasse de sexo?

. acreditar, pensar e senti...

. a sós

. morrer de saudades

. chog shes

. a facilidade das regras

. magia

. vidas

. tu e a vida

. os elementos

. bruxas

. Recorda.....

. orgasmo sensitivo

. encontrei-me

. solidão

. tola

. viagem

. meu marido

. lutas

. pensamentos vs decisões

. meditação

.procura luz

 

.outros rasgos

. Setembro 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Julho 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

.Mestres

.outras mensagens

. Pensamento de 19/05/2009‏

. filhos da puta

. O Bom de Namorar

. sonho intocavel em mim

.Iluminados

.links

.subscrever feeds