Domingo, 28 de Setembro de 2008

vidas

 

outros mundos, outras dimensões, outras vidas, tantas personagens, tanto sofrimento, tanta solidão

 

porque ainda existem casais que não se respeitam?? como posso ajudar e libertar tanta angustia nesta vida, neste seculo? como podem ainda co-habitar personagens incompatíveis? porque continuam se magoando, se torturando? mutuamente

 

eu torturo-me mas só a mim mesma, posso preocupar meus amigos, meus pais mas, nada de especial, porque todos eles pensam que eu saberei lidar com a situação

 

 mas a solidão deles não é a minha, a minha é mais profunda, vem de mais vidas, preciso de respostas, preciso recordar, preciso limpar-me e tornar a nascer, preciso de me perdoar

 

quantas lagrimas precisei de chorar para saber que só brincavas com meus sentimentos, quantas vezes te disse o que tu só concluiste tarde demais Ja estava enterrada na dor, na angustia de te saber diluído

 

- Torturamo-nos sem sentindo, caimos no poço da tristeza infindavel mas, porque razáo o faremos se a vida nos dá o que pedimos

é táo simples, táo facil e continuam a pensar que merecemos ser infelizes

 

basta respirar, respirar

 

parar e sentir que o ar que nos envolve é purificador, no dia em que buscarmos a recordaçáo de quem somos, vemos que tudo pode acontecer

 

basta acreditar e surge aquela sensaçáo de que somos poderosas e amor é muito mais que manter aparências que a vida é muito mais que fingir viver

 

acredita e segue o teu instinto

ele sempre está correcto

 

 

 

3 comentários:
De Fisga a 7 de Outubro de 2008 às 17:46
Olá Sibila. Estou de volta, embora um tanto débil ainda. E até proibido de ir ao P. C. mas a saudade é mais forte. Constatei a sua preocupação com as maldades das pessoas, e com a incapacidade de vencer as vicissitudes da vida. Vicissitudes na sua maioria criadas pelas suas próprias vitimas. A vida é isto mesmo, é injusta e ingrata, e nós caímos muitas vezes na ratoeira da sua ingratidão. Um beijo Eduardo.
De Sibila a 13 de Março de 2009 às 02:42

espero que estejas recuperado do momento menos forte

um abraço
De Fisga a 13 de Março de 2009 às 16:22
Obrigado amiga. é um prazer saber de alguém que se preocupa comigo. Posso dizer que não estando completamente bom estou uma estrela, comparado com o que estive. Mais uma vez obrigado. Um beijinho Eduardo.

Comentar mensagem

Borboleta


.Setembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.rasgos de sol

. the ugly truth

. borboletas

. sofrer de amor

. filha do vento

. e se eu falasse de sexo?

. acreditar, pensar e senti...

. a sós

. morrer de saudades

. chog shes

. a facilidade das regras

. magia

. vidas

. tu e a vida

. os elementos

. bruxas

. Recorda.....

. orgasmo sensitivo

. encontrei-me

. solidão

. tola

. viagem

. meu marido

. lutas

. pensamentos vs decisões

. meditação

.procura luz

 

.outros rasgos

. Setembro 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Julho 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

.Mestres

.outras mensagens

. Pensamento de 19/05/2009‏

. filhos da puta

. O Bom de Namorar

. sonho intocavel em mim

.Iluminados

.links

.subscrever feeds